Diferentes serviços veterinários se enquadram em várias categorias de bens econômicos.

Os
serviços de saúde clínica e o fornecimento de medicamentos veterinários são os que mais se
aproximam de meros bens privados, mas existem vários tipos de externalidades na prestação
de vários tipos de serviços.
A estrutura econômica e institucional da indústria pecuária é bastante diferente em vários
aspectos nos países desenvolvidos e em desenvolvimento.
A natureza de subsistência da indústria pecuária nos países em desenvolvimento, problemas
de falha de mercado, sistemas de produção de transumância e a ameaça de surtos graves de
doenças contagiosas são todos problemas que precisam ser enfrentados na concepção de
reformas de descentralização.
Há espaço para a desconcentração e / ou delegação de algumas funções do governo central,
mas o ritmo das reformas precisa reconhecer a necessidade de desenvolver o serviço
veterinário privado e de implementar medidas de recuperação de custos.
Os serviços veterinários são outra área onde a classificação econômica de vários componentes
difere e está aberta a diferentes interpretações. Os serviços de saúde clínica e o fornecimento
de medicamentos veterinários são os que mais se aproximam de meros bens privados. No
entanto, pode haver externalidades positivas no tratamento, principalmente no caso de

doenças infecciosas, que podem justificar alguma forma de intervenção governamental. Pode-
se argumentar que os serviços preventivos de saúde também justificam a provisão pública, ou

pelo menos o financiamento pela totalidade dos proprietários de gado afetados, por causa das
externalidades envolvidas e as implicações de ‘carona’ de cobrar dos agricultores individuais
por serviços dos quais outros se beneficiarão. Também existem problemas de risco moral no
mercado de serviços veterinários, especialmente na área de fornecimento de medicamentos e
inspeção de higiene. https://www.hospitalpopularveterinario.com.br/hospital-clinica-veterinaria-Copacabana